Dicas

10 dicas para sair do vermelho

Falar em dividas é algo comum nos dias de hoje isso devido a tamanha facilidade que as pessoas têm de conseguir gastar dinheiro. Isso se deve a maioria dos casos a falta de pagamento do cartão de crédito que tem se tornado o grande amigo ou inimigo nas horas das compras.

De fato, é comprar com o cartão de credito é simples, o único problema é quando não pagamos a sua fatura no prazo correto. Contudo a dicas valiosas para que você não se atrapalhe mais e consiga reverter a situação de negativado para bom pagador e livre para comprar a onde quiser.

Pagar as contas podem parecer algo impossível de se fazer visto que muitas vezes as contas ultrapassam o salário ou renda mensal. Então por onde começar? Primeiramente é importante ter animo e força de vontade, se o que deseja realmente é pagar suas contas. Isso porque sair do vermelho pode parecer impossível visto que o seu salário não é suficiente, mas há uma ótima solução fique comigo;

Como sair das dividas

A primeira coisa que precisa ter em mente é que o que está te endividando são contas que não foram pagas, por isso a partir do momento em que você decidir que quer pagar tudo de uma vez por todas você não terá mais gastos fúteis. A curto prazo parece pouco a economia, mas saiba que é com baixos juros mensais que a sua conta chegou no tamanho que está, então a primeira dica nada de gastos com futilidades. Seja lá o que for, por exemplo lanches, passeios caros entre outras atividades que pode te fazer gastar muito.

No entanto, pode se tornar desanimador ter que seguir regras assim, mas se você analisar esse período como aprendizado as coisas sem dúvidas irão fluir melhor nesse momento por isso estar disposto é a parte mais importante para esse processo. Contudo vamos para as dicas que irão te ajudar nesse momento crucial:

• 1 – É importante separar sua conta mensalmente com os seguintes tópicos; necessário e desnecessário. Como funciona isso? O que você deve separar é contas como agua, luz, aluguel, educação e alimentação (que por sinal darei dicas de como gastar no mercado corretamente) entre outras coisas que são essenciais para a sobrevivência.

Para itens desnecessários você irá anotar os lanches do final de semana, festas, roupas a mais e coisas que você não tem urgência e nem irá morrer por não ter.

Fazendo isso você irá focar no que é realmente útil a ser pago e assim o fará. Se por um acaso ter sobras o que você deve fazer é começar a quitar as dívidas seja as menores ou se possível até as mais caras.

• 2 – Fazer um ganho extra não é algo que nasce com uma pessoa, mas a necessidade se adapta a pessoa, e por muitas vezes os ganhos são bastantes satisfatórios o que pode te ajudar muito na hora de pagar tudo.

Há uma infinidade de possibilidades para se conseguir dinheiro, seja vendendo alguma coisa que saiba fazer, revendendo alguns produtos e até trabalhando pela internet, contudo é importante fazer um extra para que dessa forma entre uma segunda renda no seu bolso e que irá ajudar a quitar tudo.

• 3 – Fazer um acordo de pagamento pode ser muito importante nessas horas pois assim o valor total da sua dívida pode diminuir ou até mesmo fazer parcelas que caibam no orçamento e assim você conseguirá pagar tudo de forma ainda menos burocrática e mais tranquila. No entanto vale ressaltar que importante manter o acordo se não as coisas podem fugir novamente do controle.

• 4 – Cartão de crédito é bom, mas não em situação de estado em vermelho, por isso não é legal ter gastos ainda com cartão de credito se você ainda o possui, isto porque o que você gastar uma hora a fatura vai chegar e se você não ter como pagar, prepare a dor de cabeça que terá por conta de cartão de credito.

Então de férias a ele e aproveite o cartão quando tiver com as contas em ok, e é claro com muita moderação para não voltar na onde estava.

• 5 – Procure sempre por descontos pois tudo o que você conseguir a mais fará uma total diferença no final das contas, estipule metas para você, mudar hábitos da noite para o dia não é fácil por isso é importante sua total dedicação na hora de fazer o que é necessário para sair das dívidas.

• 6 – Na hora de fazer as compras no mercado fique atento ao valor que está sendo gasto e se necessário retire algumas futilidades que estão drenando o seu dinheiro no final do mês. Evite ir no mercado com fome para que dessa forma você já não vá gastando com comida desnecessariamente.

• 7 – Ter um app que ajuda a administrar seu dinheiro também pode ser de grande ajuda, pois através dele você não terá a necessidade de calcular tudo. O trabalho será mais fácil e você terá tudo fácil em mãos. Um app bom para isso é o GuiaBolso.

• 8 – Comece a anotar tudo o que for gasto daqui para frente para que dessa forma você tenha total controle das suas finanças, anote tudo mesmo, até o Uber, o café na padaria e etc… Aliás, fica bem mais difícil se perder nos cálculos além de ser uma grande prova na hora de verificar o que tem gastado.

• 9 – Guardar dinheiro é muito importante, o mais correto a se fazer é ter pelo menos um dinheiro guardado, nem que seja somente para uma ocasião de extrema necessidade. Pode guardar o que sobrar de tudo, seja 10, 20 reais ou mais, por menos que parece em um ano já dá para pagar uma conta ou comprar algo avista.

• 10 – E última dica não menos importante, tenha determinação, parece bobo, mas o que faz muitos desistirem de pagar suas dívidas é perder as esperanças, achar que não consegue. Por isso o ideal é ter sempre algo a te motivar a fazer isso, seja realizar um sonho ou voltar a ter o nome limpo, o importante é não desistir no meio do caminho.

Bom essas foram as dicas para que você possa estra economizando e quitando suas dívidas de maneira tranquila, com um trabalho a mais, mas o que importa é o resultado de tudo no final, e é claro aprender com os erros é uma boa maneira de não se endividar.Não deixe de comentar ou de dar sugestões para novos artigos.

(Visited 27 times, 1 visits today)

Comente aqui